Freestyle: Liniker e Tendência Genderless

Freestyle: Liniker e Tendência Genderless

Ele tem uma voz deliciosa, com tom grave e rouco típico dos artistas de soul mesmo. O projeto musical deles traduz a black music para uma linguagem contemporânea brasileira, com composições autorais em português. Ele explodiu no Youtube com a canção “Zero” do EP “Cru”. Ele é negro, usa batom, brinco, turbante e barba. A composição só é tão bela e tão natural, pelo simples fato dele saber o que quer. Ele é, quem ele quer ser.

Guitarra funkeada com um super swing, baixo e batera com um groove digno das grandes bandas de soul, os sopros sempre presentes, música cantada com a alma e pra fazer o público cantar e dançar. Bem-vindos ao mundo hipnotizado pela voz de Liniker e os Caramelos.

Playlist:
Speed – Sonia Santos (Jorge Ben)
Dê um rolé – Gal Costa (Moraes Moreira / Galvão)
La nave va – Clube do Balanço (Tiquinho)
Zero – Liniker e os Caramelos
Caeu – Liniker e os Caramelos
Bossa Eterna – Raul de Souza
Meu Rapjazz – Tassia Reis
Louise do Brésil – Liniker e os Caramelos

Apresentação: Rafaella Marques e Rodrigo da Matta
Oferecimento: Cachaça Soul

BOSSA FM: Música Brasileira em Contexto.

 

BE IN: COMO SER INDEPENDENTE NA CENA BRASILEIRA